Seja mais um Soldier de Michael
Be more of a Soldier Michael

Se cadastre e faça parte desta grande familia
To register and join this great family

Desde já seja bem vindo...
Welcome ...

It's All For L.O.V.E.


 
InícioCalendárioFAQMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe|

Michael Jackson e a dificuldade em se estudar numa escola

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo
AutorMensagem

DAYA_BR
avatar
Hiper Fã
Hiper Fã
Mensagens : 3069
Data de inscrição : 04/09/2010


MensagemAssunto: Michael Jackson e a dificuldade em se estudar numa escola Seg Mar 28, 2011 3:30 pm

Michael e seus tempos de escola




Desde que se mudou de sua cidade natal Gary, em Indiana, pra Los Angeles, Califórinia, a vida escolar de Michael e alguns de seus irmãos nunca mais foi a mesma.

Foram poucos os tempos passados em escolas públicas. E ainda assim eles mais faltavam as aulas do que as freqüentavam. A sexta série de Michael foi cursada na Garden Street Elementary School, em Los Angeles. Mas ele parecia mais um convidado do que um aluno, porque aparecia tanto na escola como em programas da televisão.

Sua professora na época, Laura Gerson, contou um episódio ao biógrafo J. Randy Taraborrelli:

"Certa vez, eu estava ensinando uma canção que continha uma harmonia de três partes e toquei uma nota fora de tom que fez meu cabelo arrepiar. Os olhos de Michael se arregalaram. Só ele reparou. Ele nunca falava de si mesmo. De repente sumia e aparecia na TV".
Quando foi pra sétima série, Michael mundou de escola. Foi com Marlon (um ano e meio mais velho que ele) pra Emerson Junior High School.
Mas só conseguiram ficar nessa escola por duas semanas porque uma multidão se amontoava nos corredores da escola olhando pra dentro das salas de aula procurando os garotos famosos. Até ameaças de morte eles receberam!

Resultado: Joe Jackson, o pai dos garotos os tirou de lá, e os matriculou em uma escola particular. Mas isso também não deu certo, e não durou muito. Acabaram tendo aulas em casa. Michael, Marlon e Jermaine estudaram com a professora Rose Fine, autorizada pelo estado como "supervisora do bem-estar da criança". Ela lhes dava aulas em casa, e durante as viagens, eles estudavam pras provas nos hotéis em que se hospedavam. Quando eles concluíram o ensino médio, Rose foi autorizada a lhes conceder o diploma, já que todas as outras tentativas deles retornarem à escola fracassaram.

Numa dessas tentativas, em 1976, Michael foi eleito o mais tímido da turma. Além de ser o mais criativo e também o mais bem vestido. É o que mostra seu boletim escolar leiloado recentemente (o que falta ser leiloado dele - além de seu cabelo, luva, roupas?)... No alto deste texto está uma foto de Michael com os colegas em uma das escolas pelas quais passou, e abaixo, o citado boletim, que pelo que tudo indica era de outra escola...

Por: Elisa Barreto
Créditos: www.forevermichael.forumeiros.com

_________________
Eu amo vc mais...
I Just Can't Stop Loving You Michael...




Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ww.serhumanomj.blogspot.com

DAYA_BR
avatar
Hiper Fã
Hiper Fã
Mensagens : 3069
Data de inscrição : 04/09/2010


MensagemAssunto: Re: Michael Jackson e a dificuldade em se estudar numa escola Seg Mar 28, 2011 3:31 pm

AS ESCOLAS EM QUE MICHAEL ESTUDOU


Em 1963, aos cinco anos, Michael começou a frequentar a Garnett Elementary School em Gary.
Michael, juntamente com Marlon, passou pela Gardner Street Elementary de Los Ângeles quando estava na sexta série.
O muito trabalho que já tinha como integrante do Jackson Five não o permitiu que tivesse uma frequência regular.
Estudaram também na Fairfas High School.
Na sétima série, os dois irmãos foram para a Emerson Junior High School, mas permaneceram ali por apenas duas semanas. Ocorreu uma AMEAÇA DE MORTE contra os irmãos e Joseph decidiu que eles não mais frequentariam escolas públicas.
A partir de então, eles passaram a frequentar escolas particulares ou receber aulas em casa.
Rose Fine, tutora dos meninos nas turnês, tinha autorização pelo Estado a atuar como Supervisora do Bem-Estar da Criança, tornou-se a educadora dos Jacksons.
Quando eles viajavam, eles dedicavam tempo nos estudos e faziam provas.
Michael, assim como Marlon e Jermaine receberam diploma equivalente ao ensino secundário através de Rose Fine, que tinha autorização para concedê-lo.
Em 10 de outubro de 1989, Michael voltou à escola de ensino fundamental Gardner Street, em Hollywood, e visitou a sala 8, onde cursou a sexta série.
A escola dedicou o auditório em sua homenagem, mudando seu nome para "The Michael Jackson Auditorium".
Michael o inaugura e ouve as crianças cantarem "We are the world". Ele também faz um longo discurso agradecendo sua antiga professora Mrs Gertin, bem como sua antiga tutora Rose Fine, que também participou da homenagem.
Michael pagou salário para o professor de música da escola, plantou roseiras perto do playground e ainda deixou a sua assinatura famosa na parede de sua sala de aula.





Parte I


Parte II


Parte III


Parte IV


Parte V


No entanto, no auge das acusações de abuso sexual infantil, em 2003, a escola optou por encobrir o seu nome do auditório. Os funcionários, utilizando-se de madeiras, cobriram o nome de Michael.
Em 2010, um grupo de fãs realizou uma campanha para que a injustiça fosse reparada e o nome de Michael voltasse a ser exibido como o nome oficial do auditório, pois ele jamais fora condenado por qualquer crime.
O grupo obteve mais de 2000 assinaturas na petição e através dessa união, solicitaram uma reunião junto ao Conselho Escolar e depois de 7 anos, em 15/10/2010, o nome de Michael voltou a ser exibido. O superintendente Ramon C, Cortines, o mesmo que havia autorizado a vergonhosa retirada do nome de Michael, disse:
“Em reconhecimento ao legado musical de Michael Jackson e contribuição para a cultura moderna, eu comandei o nosso departamento de manutenção e operações para remover as placas de madeira que cobriam o nome de Michael Jackson na Gardner Street Elementary School, em Hollywood”


O AGRDECIMENTO DE KATHERINE, MÃE DE MICHAEL
A mãe de Michael, Katherine, educada e humildemente, agradeceu aos responsáveis pela campanha e, por extensão, o apoio dos fãs de Michael.
“Depois de uma série de conversas sinceras entre mim, meu neto Taj, um amigo da família, Jodi Gomes, e LAUSD, eu sou certa que a escola orgulhosamente levará o nome de meu filho em seu auditório, mais uma vez. Isso não poderia ter sido feito sem a dedicação incansável dos fãs do meu filho e, especificamente, os membros da maravilhosa “Uncover Michael Jackson’s Name Campaign” (Campanha Descubra o Nome de Michael Jackson). Estou ansiosa para a minha declaração em conjunto com a escola nos próximos dias e agradeço de todo coração. Michael estaria orgulhoso.”

Créditos: Mari e Neila- forevermichael.forumeiros.com

_________________
Eu amo vc mais...
I Just Can't Stop Loving You Michael...




Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ww.serhumanomj.blogspot.com

Michael Jackson e a dificuldade em se estudar numa escola

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

Tópicos similares

-
» Michael Jackson: A verdade chocante sobre os Arquivos do FBI
» Jason Pfeiffer volta a dizer que teve caso com Michael Jackson
» Mãe de Michael Jackson: «O meu filho não era molestador»
» Lindsay Lohan cumprirá pena como faxineira de necrotério onde ficou Michael Jackson
» O que todos devem saber antes de abrir a boca para falar mal de Michael Jackson!!!
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Michael Jackson - Coronel :: Como tudo começou-